No atendimento às condicionantes ambientais, o Projeto Jacarandá conta com atividades do Programa de Afugentamento e Resgate da Fauna, que tem por objetivo adotar medidas técnicas de resgate e afugentamento das espécies recorrentes durante a etapa de supressão vegetal da obra, de forma a minimizar os riscos de acidentes, evitar ferimentos e a morte de animais silvestres durante a construção do parque. Atualmente, a equipe de fauna é composta por 01 médica veterinária, 02 biólogos de fauna e 06 auxiliares para realização de atendimento aos resgates. Em novembro e dezembro de 2020 foram realizados 2.782 registros e em janeiro de 2021 com 1.971 registrosincluindo sinalização, isolamento, óbito, afugentamento, avistamento, relocação (captura e soltura) e tratamento médico.